segunda-feira, 11 dezembro, 2017
Capa » Dicas de Treino » Estudo Russo Revela: Um poderoso exercício para hipertrofiar o glúteo máximo
Sineflex - Power Supplements
Estudo Russo Revela: Um poderoso exercício para hipertrofiar o glúteo máximo

Estudo Russo Revela: Um poderoso exercício para hipertrofiar o glúteo máximo

Sei que o título ficou sensacionalista, mas se você está lendo, valeu! Vejo muita gente buscando exercícios mágicos, variações malucas e todo tipo de bizarrice com o propósito de conseguir um melhor desenvolvimento do glúteo máximo. No entanto, a resposta parece estar muito mais perto e acessível do que se imagina… e nem precisa pagar tanto mico.

Por mais que eu insista que o leg press é um ótimo exercício para glúteos, ainda tem o pessoal com muito sentimento e pouco bom senso que acredita que ele seja para quadríceps (menos quando é feito de ladinho, claro)! Deve-se entender que, quando o joelho se afasta do tronco, há extensão de quadril e como no leg é possível fazer isso com grande amplitude e grande sobrecarga, o trabalho de glúteo máximo está garantido! E isso está comprovado cientificamente!!

Um grupo de pesquisadores da Academia Russa de Ciências colocou homens jovens fisicamente ativos para fazerem leg press durante 8 semanas e avaliou os volumes do glúteo máximo e no quadríceps por meio de ressonância magnética. Apesar de usarem dois protocolos bem diferentes do que usamos normalmente, o estudo serviu para confirmar a eficiência do leg press para desenvolver o glúteo máximo. De acordo com os resultados, os aumentos de volume no glúteo ficaram de 13 a 18%, dependo do grupo, enquanto no quadríceps os valores foram de 6 a 15%, ou seja, o glúteo chegou a crescer mais que o dobro que o quadríceps!!

E aí, ainda vai acreditar que leg press é para quadríceps??
Ainda vai aceitar fazer um treino especifico para glúteo?
Ainda vai dar coices ou imitar sapinho achando que esse é o segredo para ter bumbum sarado?
Pior, vai treinar quadríceps e glúteo em dias separados???

Por mais que seja difícil acreditar, com mais cérebro, é possível ter mais glúteo!!

Popov DV, Tsvirkun DV, Netreba AI, Tarasova OS, Prostova AB, Larina IM, Borovik AS, Vinogradova OL. [Hormonal adaptation determines the increase in muscle mass and strength during low-intensity strength training without relaxation]. Fiziol Cheloveka. 2006 Sep-Oct;32(5):121-7.

Referência: http://goo.gl/fN7pTg

Sobre Paulo Gentil