sexta-feira, 23 junho, 2017
Capa » Dicas de Nutrição » Adoçante engorda?!
Veinox - Power Supplements
Adoçante engorda?!

Adoçante engorda?!

Bate aquela vontade de comer ou tomar algo doce, mas não queremos nos “contaminar” com as calorias do açúcar, o que fazer? Simples, ADOÇANTES, uma ótima opção para não engordar, pois oferecem um sabor doce, sem as malditas calorias… Mas e se eu disser que não é bem assim? Na verdade, por mais paradoxal que possa parecer, diversos estudos mostram relação entre consumo de adoçantes e o ganho de peso! O San Antonio Heart Study, por exemplo, acompanhou 3682 pessoas por 7 anos e verificou que as pessoas que consumiam mais adoçantes ganhavam quase o dobro de peso dos que não consumiam. O American Cancer Society Study acompanhou quase 80.000 mulheres, o Nurses’ Health Study acompanhou 31.940 e Growing Up Today Study mais de 11.000 crianças e também verificaram que as pessoas que usam adoçante ganham mais peso que as demais. Pior ainda, os estudos nos quais o açúcar foi substituído pelo adoçante não verificaram vantagens na perda de peso!

Como assim??

Existem várias explicações para o fenômeno, mas hoje vou apresentar uma perspectiva neurobiológica, trazida por Qing Yang da Universidade de Yale. De acordo com o autor, a ingestão de alimentos adoçados artificialmente gera uma inconsistência entre o sabor e o conteúdo calórico, causando uma superalimentação compensatória!!! Tipo o corpo espera uma coisa, mas ganha outra, aí ele se revolta e vai atrás do prejuízo. Outro detalhe importante é que a ingestão recorrente de alimentos doces leva a uma dependência similar à vista com outras drogas, nos direcionando para escolhas menos saudáveis.

Como um cara metido a cozinheiro, posso dizer que nós temos o terrível hábito de adoçar demais os alimentos e acabamos deixando de sentir o sabor real das coisas. Portanto, a minha recomendação é que se abandone aos poucos os adoçantes bem como o açúcar e se comece a sentir o real sabor dos alimentos. Sua saúde e seu paladar agradecerão!!

Yang Q. Gain weight by “going diet?” Artificial sweeteners and the neurobiology of sugar cravings: Neuroscience 2010. Yale J Biol Med. 2010 Jun;83(2):101-8

Referência: http://goo.gl/RCDLXe

Sobre Paulo Gentil